04/10/2017

Resenha: As Perfeccionistas


Título: As Perfeccionistas
Autor(a): Sara Shepard
Editora: Rocco
Páginas: 288
Livro cedido em parceria com a editora Rocco
Autora da série bestseller Pretty Little Liars, que virou seriado de TV, Sara Shepard apresenta uma nova trama envolvendo cinco garotas e um crime em As perfeccionistas, primeiro de uma duologia. Desta vez, o cenário da trama é Beacon Heights, Washington, onde Mackenzie, Ava, Caitlyn, Julie e Parker frequentam o último ano do ensino médio. Enquanto planejam seu futuro e lidam com suas próprias questões pessoais e familiares, algumas nem um pouco louváveis, as cinco descobrem algo em comum: todas elas odeiam o mesmo garoto, o rico e convencido Nolan. E arquitetam um plano de assassinato perfeito. Mas quando Nolan aparece morto exatamente do jeito que elas haviam imaginado, Mackenzie, Ava, Caitlyn, Julie e Parker precisarão provar que não são culpadas, enquanto suas vidas – e seus segredos – desmoronam ao redor.

Fazia um tempo que não lia um livro leve e com essa ambientação adolescente que eu tanto gosto. Então quando vi essa duologia da mesma autora de Pretty Little Liars, uma série que eu amo, quis logo solicitar tanto para conhecer a autora (só acompanhei a série de tv) quanto a história que eu também curti bastante a sinopse (e inclusive, parece que vai virar série também). E até falo que gostei da história em si, porém (sempre tem um porém) parecia que eu estava vendo uma versão diferente de PLL, onde a pessoa que morre é um garoto e sem as mensagens estranhas em celular.

Acho que esse julgamento pode ser muito superficial mas foi o que mais me marcou durante a leitura. Não sei se é porque a autora é a mesma ou porque ela simplesmente viu que uma fórmula deu tão certo e quis usar novamente para garantir o sucesso. O fato é que As Perfeccionistas por mais que seja uma leitura legal com uma dose de mistério é mais do mesmo que as fãs de PLL (pelo menos da série) vão ver.


Para mim a trama demorou um pouco para se desenvolver, principalmente porque a autora levou quase cem páginas para apresentar as cinco meninas e após a apresentação das personagens a história segue uma "linha do tempo" onde mostra o dia das cinco meninas e os motivos que as levariam a matar Nolan e até mesmo o relacionamento familiar delas. Tem alguns flashbacks mas que geralmente só tem um ou dois parágrafos. O problema mesmo para mim foi que nenhuma das cinco personagens geram empatia no leitor. Apesar de ser obvio que elas tem algo a mais para mostrar parece que a autora aborda elas muito superficialmente, não sendo possível sentir ou entender o que elas querem e pensam. As cinco meninas são também estereotipadas, tendo a popular que todos amam, a desajustada que ninguém nem se quer olha na cara, a garota que participa de esportes, a musicista que sofre de amor por um boy que não tá nem ai com ela e outra que parece ter a vida perfeita. Claro que até a vitima é estereotipada: o garoto popular que faz bullying com todos. E bom, o que mais gosto nessas histórias é a diversidade dos personagens, mesmo que sejam todos estereotipados eles ainda tem reações a certos eventos que eu acabo sendo surpreendida (não muito, mas as vezes parece que são todos previsíveis e não é bem assim que acontece).

Por se tratar de uma duologia quando a coisa estava realmente ficando frenética o livro acabou. Então mesmo não tendo me apaixonaaaado pelo livro eu com certeza quero ler a sequencia pois estou curiosa para saber o que houve de verdade com Nolan e como a vida das meninas irão se resolver, torcendo para que os maus entendidos sejam desfeitos e que o culpado seja punido (que alias, parece ser a unica coisa difícil de saber nessa história).

9 comentários:

  1. Oi.

    Não gostei muito dessa capa, sabe? Não conhecia ainda o livro e nunca li nada da Sara. Até tentei ler a série Pretty Little Liars, mas como estava ficando confusa com relação a série, não consegui continuar com a leitura. Tenho vontade de ler algo da autora. Vou tentar ler este livro depois.

    ResponderExcluir
  2. Olá!! :)

    Eu confesso que nunca tinha ouvido falar sobre este livro, mas ainda bem que ficaste curiosa com o volume seguinte.

    Realmente, os mal entendidos são mesmo muito irritantes, e desejamos que eles sejam desfeitos no final.

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?
    Também só assisti o seriado, mas gostaria de ler algum livro da autora.
    Achei esse livro bem parecido com PLL, mas gostei dele assim como gosto do seriado. Parabéns pela resenha.
    abraço

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Já vou atrás para ler, pois viciei na série PLL e mesmo com os pontos negativos apontados, quero experimentar a leitura rs
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi,
    Não conseguia essa outra série da autora, eu comecei a assistir PLL mas infelizmente achei que ficou enrolado demais depois de alguns episódios e acabei largando de mão. Pela sua resenha parece que a autora segue a mesma dinâmica, sem muita ação e as coisas demoram para acontecer,então vou deixar a dica para próxima.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Olá, olha confesso que nunca vi a série, apenas conheço de nome, então não teria muito o que opinar sobre o trabalho da autora, mas realmente, como vc falou, é uma leitura bem leve e adolescente, que de vez em quando é uma boa pedida. Vamos aguardar o próximo livro. Bjs

    ResponderExcluir
  7. olá... pra ser sincera não curto esse tipo de leitura leve e teen xD
    mas fico contente que sua empolgação ta a toda pra saber o desfecho no segundo volume... já tinha ouvido falar da autora, mas não da duologia...
    bjs...

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bom?
    A capa não me atraiu muito e só de ler a sinopse já vi similaridades com PLL, mesmo sem nunca ter assistido ou lido. Sua resenha não me deixou muito animado para a leitura, não sei se chegarei a dar uma chance algum dia. No mais, adorei seu post.
    Até mais o/

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia a obra, mas achei a capa bem fofinha!
    Sua resenha não me deixou muito entusiasmada em ler e achei meio YA demais pra mim.
    Entretanto, curti tua resenha! Bem sincera!
    Vou deixar a dica passar dessa vez.


    Beijinhos!

    #Ana Souza
    https://literakaos.wordpress.com

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar. Volte sempre. <3